O que é a BIENALSUR:

BIENALSUR es la Bienal Internacional de Arte Contemporáneo de América del Sur. BIENALSUR empezó en 2015 con las reuniones Sur Global, plataforma de pensamiento para el arte y la cultura contemporáneos y a lo largo del 2016 y ya en 2017 en su primera edición, con acciones y exposiciones realizadas en 84 sedes de 32 ciudades de 16 países. La próxima edición tendrá lugar entre junio y octubre de 2019 en simultáneo en numerosas sedes, países y ciudades.

Organizada por la Universidad Nacional de Tres de Febrero (UNTREF) –universidad pública argentina- tiene a su rector Aníbal Jozami como director general y a la directora del Área de Arte y Cultura, Diana Wechsler como la directora artístico-académica.

A BIENALSUR conecta simultaneamente ao público dos cinco continentes. Em 2017, mais de 400 artistas e curadores participaram desta plataforma e espera-se superar esse número em 2019. As exposições são realizadas em diferentes museus, centros culturais, edifícios e áreas emblemáticas do espaço público, buscando gerar uma rede global de colaboração associativa institucional que elimine distâncias e fronteiras, e reivindique a singularidade na diversidade.

Inédita por sua metodologia, a BIENALSUR inclui obras e projetos que são o resultado de convocatórias internacionais abertas. A ideia desse amplo chamado é convidar artistas e curadores para pensar em propostas específicas e inéditas, que vão além de um tema condicionador, seguindo suas próprias procuras.

Em 30 de julho de 2018, foi encerrada a convocatória para projetos de artistas e curadores que quiseram fazer parte da BIENALSUR 2019. Foram registradas 5025 propostas de 76 países. A seleção ficou a cargo de um Conselho Internacional de Curadores, formado por profissionais de prestígio de diferentes origens. Os critérios de seleção dos projetos foram novamente, a qualidade de cada entrega - tanto em termos conceituais como estéticos -. Lembramos que a convocatória foi totalmente livre, sem um tema pré-estabelecido em busca de identificar as agendas ativas em cada lugar.

 Com sua própria cartografia, um território e uma rota específica, a BIENALSUR se abre para uma América do Sul expandida quase em escala planetária que reúne artistas e curadores dos cinco continentes. O mapa tem como KM 0 o MUNTREF (Museu do Centro de Imigração e Arte Contemporânea do UNTREF) na cidade de Buenos Aires e na primeira edição chegou a KM 18.370 em Tóquio, Japão.

Quem faz isso?

Os responsáveis por este projeto são profissionais dedicados à gestão de espaços públicos de formação e desenvolvimento, especializados na área de cultura e cultura. Organizada pela Universidade Nacional de Tres de Febrero (UNTREF) da Republica Argentina, a BIENALSUR  tem o seu reitor Aníbal Jozami como Diretor Geral e a Diana Wechsler como Diretora Artístico-acadêmica. 

Aníbal Jozami

/ Diretor geral da BIENALSUR

Sociólogo especializado em Relações Internacionais, empresário e colecionador de arte. É reitor da Universidade Nacional de Tres de Febrero, e também dirige os Museus da Universidade. Em 1993, criou a Fundação Foro del Sur, uma organização não governamental destinada a reunir líderes políticos, empresários e acadêmicos com o objetivo de gerar políticas estaduais na esfera da América do Sul. Em 2015 foi eleito pelos ministros da cultura dos países sul-americanos para projetar, organizar e dirigir a Bienal Internacional de Arte Contemporânea da América do Sul, BIENALSUR.

Diana Wechsler

/ Diretora artístico-académica da BIENALSUR

É Doutora em História da Arte e investigadora Principal do CONICET. Diretora da Área de Arte e cultura da UNTREF, do Instituto "Dr. Norberto Griffa " e do Mestrado em Curadoria de Artes Visuais da mesma universidade. É subdiretora dos Museus MUNTREF. Também é professora titular de Arte Argentina na UBA. Recebeu bolsas de estudo e subsídios, entre outros, o Fellowship de Pós-Doutorado da Fundação Getty. Dirige projetos de investigação nacionais e internacionais. Ganhou os prêmios para Curadoria e Ensaio de Arte da Associação Internacional de Críticos de Arte e Produção Científica da Câmara dos Senadores da República Argentina.

Autoridades:

Direção Geral

Aníbal Jozami

Direção Artístico-académica

Diana Wechsler

Direção Institucional

Martín Kaufmann

Conselho Geral

Marlise Ilhesca

Conselho Legal

Mauricio Nuñez

Coordenação de Produção

Varinia Anzorena

Coordenação de Relações Institucionais

Carlos Peralta

Fabián Blanco

Produção audiovisual

UNTREF MEDIA

Conselho Internacional de Curadoria BIENALSUR 2019:

Marina Aguerre (ARG)

Cauê Alves (BRA)

Stephane Aquin (CAN)

Ferran Barenblit (ESP)

Regina Teixeira de Barros (BRA)

Florencia Battiti (ARG)

Manolo Borja (ESP)

Benedetta Casini (ITA)

Ramón Castillo (CHL)

Estrella de Diego (ESP)

Simon Djami (CMR)

Andrés Duprat (ARG)

Ticio Escobar (PRY)

Fernando Farina (ARG)

João Fernandes (PRT)

Clara Garavelli (GBR)

Marta Gili (ESP/FRA)

Fábio Magalhães (BRA)

José Carlos Mariátegui (PER)

Johannes Odenthal (DEU)

Catherine Petigas (FRA/ GBR)

Liliana Piñeiro (ARG)

Thaís Rivitti (BRA)

Agustín Pérez Rubio (ESP)

Nada Shabout (USA)

Nayla Tenraz (LBN)

Diana Wechsler (ARG)

Marie –Cecile Zinsou (BEN)

Conselho Internacional de Curadoria BIENALSUR 2017:

Florencia Battiti (ARG)

Lionel Bovier (CHE)

Tadeu Chiarelli (BRA)

Estrella De Diego (ESP)

Albertine de Galbert (FRA)

Néstor García Canclini (ARG / MEX)

Andrés Duprat (ARG)

Ticio Escobar (PRY)

Fernando Farina (ARG)

Abdellah Karroum (MAR / QAT)

Fábio Magalhães (BRA)

Jeanine Meerapfel (DEU)

Hans Ulrich Obrist (CHE / GBR)

Rodrigo Quijano (PER)

Ivonne Pini (COL)

Liliana Piñeiro (ARG)

Diana Wechsler (ARG)

Marie-Cécile Zinzou (BEN)

Comitê Acadêmico:

Academia de Bellas Artes de Paris (FRA)

Escuela Municipal de Bellas Artes de Valparaíso (CHL)

Escuela Nacional Superior Autónoma de Bellas Artes (PER)

Fundación Alvarez Penteado (BRA)

Fundación Getulio Vargas (BRA)

Instituto Universitario Sudamericano (URY)

Universidad Abdelmalek Essaâdi de Tánger (MAR)

Universidad Austral (CHL)

Universidad Complutense de Madrid (ESP)

Universidad de Chile (CHL)

Universidad de la República (URY)

Universidad de Las Américas de Puebla (MEX)

Universidad de las Artes (ECU)

Universidad de las Artes de Tokio (JPN)

Universidad de las Regiones Autónomas de la Costa Caribe Nicaragüense (NIC)

Universidad de Los Andes (COL)

Universidad de Salamanca (ESP)

Universidad de San Carlos (GTM)

Universidad de São Paulo (BRA)

Universidad Federal de Rio Grande do Sul (BRA)

Universidad Federal de Santa Catarina (BRA)

Universidad Federal de Santa Maria (BRA)

Universidad Javeriana (COL)

Universidad Mayor de San Marcos (PER)

Universidad Metropolitana de Caracas (VEN)

Universidad Nacional de Colombia (COL)

Universidad Nacional de Córdoba (ARG)

Universidad Nacional de Tucumán (ARG)